Descubra uma
loja perto de você

Notícias

Esteja a par de todas as novidades sobre a Loja do Condomínio e sobre Administração de Condomínios

Visto: 2484 vezes

Condomínio em Curitiba vai usar energia solar e reaproveitar água da chuva

Notícias do Condomínio

23 de Agosto 2013
Condomínio em Curitiba vai usar energia solar e reaproveitar água da chuva
Os condomínios brasileiros que adotam práticas de sustentabilidade em suas construções crescem cada vez mais no Brasil. Em Curitiba a Tecverde Engenharia lançou recentemente em parceria com a Incorporadora Gaia o primeiro empreendimento sustentável da capital paranaense e região metropolitana edificado com a tecnologia wood frame, que reduz a emissão de CO² em 80% e os resíduos em 85%.
 
Os condomínios brasileiros que adotam práticas de sustentabilidade em suas construções crescem cada vez mais no Brasil. Em Curitiba a Tecverde Engenharia lançou recentemente em parceria com a Incorporadora Gaia o primeiro empreendimento sustentável da capital paranaense e região metropolitana edificado com a tecnologiawood frame, que possibilita a construção de moradias com recursos naturais locais e de fácil manuseio.
 
Situado no município de Campo Magro, a 20 minutos do centro da capital, o condomínio Gaia se destaca pela mistura de uma arquitetura de vanguarda com um estilo de vida em equilíbrio com a natureza, que conta com pista de caminhada em torno da área preservada, árvores frutíferas e horta.
 
Além de o terreno do condomínio ser inserido em meio a uma reserva natural de mais de 50.000m², as áreas comuns serão construídas em wood frame, tecnologia que segundo a Tecverde reduz a emissão de CO² em 80% e os resíduos em 85%. Isso acontece porque o processo construtivo utilizado nesse sistema industrializa cerca de 70% da obra.
 
Segundo a construtora, todas as casas do condomínio possuem arquitetura inteligente com amplo aproveitamento de luz natural em todos os projetos, ventilação cruzada e conforto térmico.
 
 “O Condomínio Gaia vai gerar a energia elétrica necessária para o uso nas suas áreas comuns através de painéis fotovoltaicos, reaproveitar a água da chuva, fazer o manejo correto dos resíduos sólidos. Por meio destas práticas, o condomínio tem o menor impacto ambiental no sentido de consumo de recursos e também na utilização de materiais mais sustentáveis, impactando positivamente não somente na qualidade de vida dos condôminos, mas também na parte financeira, pois certamente a taxa de condomínio será menor”, explicou a arquiteta e gerente comercial Débora Rocha.
 
De acordo com a Tecverde, todas as casas do condomínio serão construídas em wood frame e possuem arquitetura inteligente com amplo aproveitamento de luz natural em todos os projetos, ventilação cruzada e conforto térmico. Além disso, há os opcionais que agregam ainda mais eficiência para as casas, como os painéis fotovoltaicos para a produção de energia e aquecimento da água, telhados verdes e aproveitamento da água da chuva.
 
  • Comentários Comentários a esta notícia ( 0 )

Comentar esta notícia:

  • Campo de preenchimento obrigatório.
  • Campo de preenchimento obrigatório.Insira um e-mail válido
  • Campo de preenchimento obrigatório.
  • Restam   caracteres
    Campo de preenchimento obrigatório.
  •   Campo de preenchimento obrigatório.
  •   




  • * Campos obrigatórios

Enviar notícia a amigo:

  • Campo de preenchimento obrigatório.
  • Campo de preenchimento obrigatório.Insira um e-mail válido
  • Campo de preenchimento obrigatório.
  • Campo de preenchimento obrigatório.Insira um e-mail válido
  • Restam   caracteres
  •   Campo de preenchimento obrigatório.
  •   


  • * Campos obrigatórios